VBP Agropecuário de Goiás deve chegar a R$ 95,03 bilhões em 2021, aponta Mapa

Com estimativa de expansão de 11,4% na comparação com 2020, Estado se mantém em sexto no ranking do Valor Bruto da Produção entre os Estados e o Distrito Federal

Cana é um dos destaques do VBP Agropecuário de Goiás. Foto: Adobe Stock

A estimativa para o Valor Bruto da Produção Agropecuária (VBP) de Goiás em 2021 é de R$ 95,03 bilhões. Baseados em informações de outubro, os dados divulgados pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), na última terça-feira (16/11), mostram que a agricultura deve responder por R$ 63,08 bilhões (66,4%) do total do Estado, avanço de 10,4% em relação a 2020. Já a pecuária deve responder por R$ 31,95 bilhões (33,6%), aumento de 13,3% na comparação com o ano passado.

O resultado coloca Goiás na sexta posição de maior VBP entre os Estados e o Distrito Federal, com participação de 8,5% no VBP Agropecuário total do País. Segundo o Mapa, os 10 produtos com maior participação no Valor Bruto de Produção Agropecuária do Estado em 2021 são: soja (36,9%), bovino (16,8%), milho (12,3%), cana (10,4%), frangos (8,4%), leite (6,0%), tomate (3,1%), feijão (1,5%), suínos (1,3%) e ovos (1,1%).

“A perspectiva para o VBP Agropecuário de Goiás em 2021 é muito positiva porque representa um crescimento de 11,4% em relação a 2020, superior à média do País”, afirma o secretário de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa), Tiago Mendonça. “O agronegócio não parou durante a pandemia e agora pisou no acelerador. Não fossem os problemas climáticos, poderíamos ter tido um resultado ainda melhor”, completa.

Brasil
Ainda de acordo com o Mapa, o VBP Agropecuário do Brasil deve chegar a R$ 1,12 trilhão em 2021. Entre os destaques agrícolas nacionais estão algodão, café, milho, soja e trigo, que apresentam o maior Valor Bruto de Produção em 32 anos. Na pecuária, as carnes bovina e de frango aparecem com maior crescimento no ano, ainda impulsionadas pelas exportações. Para 2022, o prognóstico geral do Ministério é de normalidade na produção, com clima favorável e preços atrativos.  A estimativa é de expansão de 4,4% do VBP Agropecuário do País, atingindo quase R$ 1,17 trilhão.

Saiba mais
O Valor Bruto da Produção Agropecuária (VBP) é um indicador de desempenho da agropecuária, divulgado mensalmente pela Secretaria de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). O cálculo engloba 21 produtos agrícolas e cinco atividades da pecuária feito nos Estados e nas Regiões. “O VBP é obtido pela multiplicação da quantidade produzida pelo preço recebido pelo produtor. Como as estimativas de safras divulgadas mensalmente referem-se à previsão para o ano, a estimativa do VBP também é anual. Na pecuária, como as informações do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) são trimestrais, as informações de quantidades são atualizadas a cada três meses. A fonte de dados de produção é do Levantamento Sistemático da Produção Agrícola (LSPA) do IBGE. Para os produtos da pecuária, a fonte também é o IBGE. Os preços são da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) e do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada da Universidade de São Paulo (Cepea/USP). Os valores reais são obtidos com o uso do IGP-DI da Fundação Getúlio Vargas (FGV)”, explica o site do Mapa.

Outras informações: Valor Bruto da Produção de 2021 é estimado em R$ 1,119 trilhão

Comunicação Setorial da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa) – Governo de Goiás

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.